Todo mundo sabe que gente da área de exatas não convive muito bem com raciocínios mais abertos que não possam redundar, ao fim e ao cabo, em números, planilhas, sistemas. Já a turma da comunicação, da publicidade e do marketing é mais afeita à retórica, às construções verbais, às análises que nem sempre estão embasadas em números.

Essas diferenças não vão desaparecer de uma hora para outra. Mas as pontes entre as duas áreas já foram projetadas e construídas. A galáxia das redes e mídias sociais está aproximando uns e outros. No plano das redes, quase tudo é quantificável. Cliques, curtidas, visualizações, retorno sobre o investimento (ROI), compartilhamentos.


O universo digital está “engenheirando a comunicação”.

Helvio Falleiros

Produtores de conteúdo, publicitários e profissionais de marketing estão em processo de imersão completa no universo da “contabilidade” digital. A estrada está livre para que engenheiros e administradores conversem com os comunicadores usando a mesma planilha, a mesma linguagem.

O desafio é mostrar isso aos profissionais do universo cartesiano. Fazê-los entender que a comunicação está virando quase uma ciência exata. Não é para tanto, naturalmente, mas a aproximação está feita.

O universo digital está “engenheirando a comunicação”. Essa conversa agora vai ficar mais fluída e direta. Portanto, prezados amigos engenheiros, geólogos, economistas, administradores e outros profissionais de exatas: venham embarcar nessa nova estrada digital. As empresas que vocês dirigem terão muito a ganhar com essa troca. E vocês mesmo, é claro.

Escreva um comentário